Aviso n.º 11633/2020

CourtUniversidade de Lisboa - Faculdade de Ciências
Publication Date11 Agosto 2020

Aviso n.º 11633/2020

Sumário: Abertura de procedimento concursal de seleção internacional para a contratação de doutorado(a), ao abrigo do Decreto-Lei n.º 57/2016, de 29 de agosto, com as alterações introduzidas pela Lei n.º 57/2017, de 19 de julho, na área científica de Meteorologia.

Abertura de procedimento concursal de seleção internacional para a contratação de doutorado(a) ao abrigo do Decreto-Lei n.º 57/2016, de 29 de agosto, com as alterações introduzidas pela Lei n.º 57/2017, de 19 de julho, e legislação complementar

1 - Após parecer favorável do Conselho Científico da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL), em reunião realizada a 22 de julho de 2020, e por meu despacho de 27 de julho de 2020, procede-se à abertura de concurso de seleção internacional para 1 posto de trabalho de doutorado(a) para o exercício de atividades de investigação científica na área científica de Meteorologia, em regime de contrato de trabalho em funções públicas a termo resolutivo certo, pelo prazo de três anos, com vista ao desenvolvimento do Projeto «UIDP/50019/2020 - Financiamento Plurianual de Unidades de I&D 2020-2023 - IDL», cujos requisitos específicos se passam a enumerar de seguida:

Referência do concurso: 3307

Área de Doutoramento: Climatologia, Meteorologia, Hidrologia, ou áreas afins.

Requisitos Específicos:

Os candidatos devem demonstrar competências na área da modelação meteorológica e/ou hidrológica particularmente relacionada com a ocorrência de eventos extremos em diferentes escalas temporais e espaciais. Os candidatos devem demonstrar experiência na manipulação de métodos estatísticos para a análise de extremos em contexto hidro-meteorológico, bem como na manipulação de grandes bases de dados observados e modelados. Bom domínio de várias linguagens de programação, preferencialmente incluindo Python ou Fortran. Os candidatos devem apresentar um número mínimo de cinco publicações (publicadas ou com DOI atribuído) em revistas referenciadas no Scopus ou Web of Science.

2 - Legislação aplicável:

a) Decreto-Lei n.º 57/2016, de 29 de agosto, que aprova um regime de contratação de doutorados destinado a estimular o emprego científico e tecnológico em todas as áreas do conhecimento (RJEC), na redação que lhe foi conferida pela Lei n.º 57/2017, de 19 de julho, tendo ainda em consideração o disposto no Decreto Regulamentar n.º 11-A/2017, de 29 de dezembro.

b) Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas, aprovada em anexo à Lei n.º 35/2014, de 20 de junho, e respetivas alterações (LTFP).

3 - Em conformidade com o artigo 13.º do RJEC, o júri do concurso tem a seguinte composição:

Presidente do Júri - Doutor Ricardo Machado Trigo, Professor Associado do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia da FCUL e Diretor do Instituto Dom Luiz.

Vogais:

Doutor Pedro Manuel Alberto de Miranda, Professor Catedrático do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia da FCUL;

Doutor Mário Jorge Modesto Gonzalez Pereira, Professor Auxiliar do Departamento de Física da Escola de Ciência e Tecnologia da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro;

Doutor Carlos do Carmo de Portugal e Castro da Câmara, Professor Associado do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia da FCUL;

Doutor Pedro José Miranda da Costa, Professor Auxiliar do Departamento de Ciências da Terra da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.

4 - O local de trabalho situa-se na FCUL, sita ao Campo Grande, 1749-016 Lisboa, e/ou noutros locais necessários ao desenvolvimento das atividades de investigação, de acordo com as indicações aprovadas pela Direção da FCUL.

5 - A remuneração mensal ilíquida a atribuir é de 2.134,73 (euro) (dois mil cento e trinta e quatro euros e setenta e três cêntimos), correspondente ao nível 33 da tabela remuneratória única (aprovada pela Portaria n.º 1553-C/2008, 31 de dezembro), nos termos do disposto no n.º 1 do artigo 2.º do Decreto Regulamentar n.º 11-A/2017, de 29 de dezembro.

6 - O contrato correspondente é celebrado pelo prazo de 3 (três) anos.

7 - Ao concurso podem ser opositores candidatos nacionais, estrangeiros e apátridas que sejam titulares do grau de doutor em ramo de conhecimento ou especialidade que abranja a área científica a que concorre, bem como aqueles a quem foi concedido o reconhecimento daquele grau a idêntico grau concedido por instituição de ensino superior portuguesa, em conformidade com o Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e sejam ainda detentores(as) de um currículo científico e profissional que revele um perfil adequado à atividade a desenvolver.

7.1 - O reconhecimento do grau de doutor, em conformidade com o Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, deverá ser obtido até à data limite que será concedida ao candidato, selecionado para ocupar o posto de trabalho a concurso, para proceder à entrega da documentação que comprova que este reúne os requisitos de admissão a concurso, sendo consequentemente elegível para celebrar o respetivo contrato de trabalho em funções públicas.

8 - Formalização das candidaturas:

8.1 - As candidaturas ao presente concurso, com a referência 3307, deverão ser entregues obrigatoriamente, sob pena de exclusão, através da plataforma de concursos da FCUL, disponível em:

https://ciencias.ulisboa.pt/dl57

Não serão aceites candidaturas enviadas por correio eletrónico...

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO

VLEX uses login cookies to provide you with a better browsing experience. If you click on 'Accept' or continue browsing this site we consider that you accept our cookie policy. ACCEPT