suspensão da eficácia acto administrativo

9696 resultados para suspensão da eficácia acto administrativo

  • Acórdão nº 3801/99 de Tribunal Central Administrativo Sul, 16 de Dezembro de 1999 (caso NULL)

    1-0 artº 76º, nºl-b) da LPTA ao impor a não suspensão da eficácia de um acto administrativo por tal suspensão determinar grave lesão do interesse público, visa expressamente permitir a limitação, afectação ou restrição de eventuais direitos subjectivos dos particulares, com vista à protecção de eventual lesão grave do interesse público. II - Tal limitação ou restrição aos direitos fundamentais,...

  • Acórdão nº 00002/97 de Tribunal Central Administrativo Sul, 09 de Outubro de 1997 (caso NULL)

    I - No caso de acto aplicador de pena expulsiva, a determinação da ocorrência de grave lesão do interesse público, consequente á suspensão da eficácia do acto, afere-se, não pelo tipo legal do acto ou pelos juízos de valor nele enunciados, mas pelos juízos de realidade que  a Administração emitiu e que hajam operado como pressupostos da punição, conjugados com todas as circunstâncias ligadas às...

  • Em vigor Decreto-Lei n.º 262/86 . Código das Sociedades Comerciais
    ... Artigo 61.º (Eficácia do caso julgado) ... Artigo 62.º (Renovação da ... 144.º Regime do procedimento administrativo de dissolução ... Artigo 145.º Forma e registo ... Artigo 387.º Suspensão da sessão ... Artigo 388.º (Actas) ... Artigo ... conhecimento de que o acto praticado não respeitava essa cláusula e se, ...
  • Acórdão nº 048001 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 04 de Outubro de 2001

    I - A concessão da suspensão de eficácia de acto administrativo depende da verificação cumulativa dos três requisitos previstos no n° 1 do artº 76° da LPTA, ou seja, que a execução do acto cause provavelmente prejuízo de difícil reparação para o requerente, que a suspensão da eficácia do acto não determine grave lesão do interesse público, e que do processo não resultem fortes indícios de...

  • Acórdão nº 039275 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 11 de Janeiro de 1996

    I - O requerente da suspensão da eficácia de acto administrativo deve, sob pena de nos autos se gerar ilegitimidade passiva, identificar as pessoas a quem a suspensão possa directamente prejudicar. II - Tal identificação deve ser feita, por forma clara, no cabeçalho ou na parte final da petição, possibilitando à secretaria a notificação oficiosa - que legalmente lhe compete - dos contra-interessad

  • Acórdão nº 046382 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 26 de Julho de 2000

    I - A ausência de motivação jurídica da sentença, determinante de nulidade, deve ser total, pois só assim os seus destinatários ficam na ignorância das razões pelas quais o tribunal perfilhou aquela decisão, ficando, por outro lado, o tribunal superior impedido de sindicar o raciocínio lógico-jurídico que presidiu à decisão. II - Através da actual redacção do n.º 4 do art. 268 da Constituição...

  • Acórdão nº 02692/07 de Tribunal Central Administrativo Sul, 05 de Julho de 2007

    I - O disposto no art. 128º, nºs 1 e 2 do CPTA é aplicável nas providências relativas a procedimentos de formação de contratos previstas no art. 132º do CPTA. II - De facto, o regime do artigo 128º aplica-se a toda e qualquer situação em que seja pedida a suspensão de eficácia de um acto administrativo, incluindo os actos praticados no âmbito de procedimentos relativos à formação de contratos (os

    ... , pelo TAF - Lisboa 2, que indeferiu a suspensão provisória prevista no art. 128º do CPTA para o acto de adjudicação ... Em alegações são ... no que diz respeito á melhoria de eficácia dos processos de recurso em matéria de ...
  • Acórdão nº ACTC00002102 de Tribunal Constitucional (Port, 13 de Julho de 1989 (caso NULL)

    I - Suscitar a inconstitucionalidade durante o processo e faze-lo antes de se esgotar o poder jurisdicional do tribunal "a quo" sobre a questão para cuja resolução e relevante a norma arguida. II - Esgotando-se tal poder, em regra, na sentença (ou acordão), um pedido de aclaração desta ou uma reclamação da sua nulidade não são ja meios idoneos e atempados para suscitar a questão da...

  • Acórdão nº 041750 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 04 de Março de 1997
  • Acórdão nº 041193 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 26 de Novembro de 1996

    I - Os requisitos da suspensão de eficácia do acto administrativo previstos nas alíneas a), b) e c) do n. 1 do art. 76 da LPTA, são de verificação cumulativa, pelo que basta a falta de um deles para a mesma ser indeferida. II - Assim, tendo concluído que não ocorria o requisito da alínea a) - prejuízo de difícil reparação - não há omissão de pronúncia conducente à nulidade da sentença, quando...

  • Acórdão nº 01205/07.9BEVIS-A de Tribunal Central Administrativo Norte, 14 de Fevereiro de 2008
    ... no âmbito do procedimento cautelar de suspensão de eficácia pelos mesmos movida contra ... da comunicação que o Requerido, autor do acto, fez à Câmara Municipal de São João da ...
  • Acórdão nº 00058/04 de Tribunal Central Administrativo Norte, 20 de Maio de 2004

    I. Não enferma de nulidade prevista na al. a) do n.º 1 do art. 668º do CPC a sentença que como se infere da sua leitura se mostra devidamente assinada. II. De igual modo não se verifica a nulidade prevista na al. d) do n.º 1 do art. 668º do CPC quando na sentença recorrida o Sr. Juiz se conteve dentro dos limites daquilo que constituía o seu dever de pronúncia, indeferindo a pretensão de suspensão

    ... indeferiu o pedido de suspensão de eficácia do despacho do Sr. PRESIDENTE DA ... pressupostos de facto e de direito, sendo acto ilegal;” E) “( ... ) E também a douta decisão ...
  • Acórdão nº 0196A/03 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 25 de Fevereiro de 2003
    ... sinais dos autos, vem requerer a suspensão de eficácia do despacho do Secretário de Estado ... da acreditação do requerente contida no acto suspendendo impede-o de exercer a sua já ...
  • Acórdão nº 040493 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 11 de Julho de 1996

    I - A suspensão da eficácia de um acto administrativo lesa, em princípio, o interesse público: mas o que importa é saber se, no caso concreto, essa lesão é grave, pois o que a lei exige neste domínio é que o dano se revista de uma intensidade tal que ponha em causa situações jurídicas materiais fundamentais, relevantes para a comunidade na sua totalidade e para cada um dos seus membros. II - O...

  • Acórdão nº 00007/04 de Tribunal Central Administrativo Norte, 22 de Abril de 2004

    I. Para a concessão da suspensão de eficácia de um acto administrativo é necessária a verificação cumulativa de todos os requisitos enunciados no art. 76º, n.º 1 da LPTA, pelo que a ausência ou não verificação de um desses requisitos basta para se ter como prejudicado e mesmo inútil o conhecimento e apreciação dos demais. II. A verificação do requisito da existência de prejuízos de difícil reparaç

    ... TAC do Porto que indeferiu o pedido de suspensão de eficácia do despacho da “presidência” da ... revela que a própria CMP não atribui o acto ao seu Presidente porque PRESIDÊNCIA não ...
  • Acórdão nº 048167 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 19 de Dezembro de 2001

    I - Para a concessão da suspensão de eficácia do acto administrativo necessária se torna a verificação cumulativa dos requisitos enumerados no art.º 76° n.º 1 da LPTA. II - Prejuízos relevantes para a suspensão de eficácia serão qualificáveis de difícil reparação quando se apresentem de avaliação pecuniária imprecisa, imperfeita ou duvidosa e, portanto, dificilmente indemnizáveis, por não ser...

  • Acórdão nº 048222 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 28 de Novembro de 2001

    I - Tendo em conta o disposto no art. 201º, nº 1, do CPC, não é produtora de nulidade processual a falta de notificação da junção aos autos de documentos que não foram tidos minimamente em conta na decisão final. II - O "interesse público" a que alude o art. 76º, nº 1, al. b), da LPTA, é o interesse determinado que o acto suspendendo prossiga, e não o interesse maximamente geral ligado aos...

  • Acórdão nº 00001/04 de Tribunal Central Administrativo Norte, 22 de Abril de 2004
    ... de Coimbra que indeferiu o pedido de suspensão de eficácia dos despachos de 16 e 23/6/03 do ... tendo em conta o quadro factual motivador do acto, ou seja as razões nele invocadas como ...
  • Acórdão nº 5303/01 de Tribunal Central Administrativo Sul, 08 de Março de 2001 (caso NULL)

    1. A imediata execução de um acto que ordena a demolição de um local onde habita o agregado familiar e constitui o local do estabelecimento industrial de duas sociedades de que o interessado é sócio gerente, causa prejuízos de difícil reparação, desde logo, pelas consequências difusas e imprevisíveis daí resultantes. 2. A grave lesão do interesse público decorrente da suspensão de eficácia de um...

  • Acórdão nº 07310/03 de Tribunal Central Administrativo Sul, 03 de Dezembro de 2003 (caso NULL)

    I- No incidente de suspensão de eficácia de um acto administrativo está vedado ao Tribunal o conhecimento da questão de fundo que lhe está subjacente, partindo-se da presunção da sua legalidade e dos pressupostos em que assentou, dependendo o decretamento da suspensão da verificação cumulativa dos requisitos previstos nas als. a), b) e c) do nº 1 do art. 76º. da LPTA, pelo que a não verificação...

    ... Queluz de Baixo, Barcarena, requereu a suspensão de eficácia da deliberação, de 17/9/2003, da ... incidente de suspensão de eficácia de um acto administrativo está vedado ao Tribunal o ...
  • Acórdão nº ACTC00002672 de Tribunal Constitucional (Port, 10 de Abril de 1991 (caso NULL)

    I - (Reproduz a parte que interessa do Acordão 187/88): A garantia da suspensão judicial da eficacia do acto administrativo e, por ora, uma garantia que apenas tem assento legal, e não constitucional. II - Ainda que a suspensão da executoriedade estivesse constitucionalmente garantida, sempre cumpriria ao legislador definir os respectivos pressuspostos e os requisitos para a sua concessão, desde...

  • Acórdão nº 37815A de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 04 de Julho de 1995
  • Acórdão nº 00007/04 de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 22 de Abril de 2004 (caso None)

    I. Para a concessão da suspensão de eficácia de um acto administrativo é necessária a verificação cumulativa de todos os requisitos enunciados no art. 76º, n.º 1 da LPTA, pelo que a ausência ou não verificação de um desses requisitos basta para se ter como prejudicado e mesmo inútil o conhecimento e apreciação dos demais. II. A verificação do requisito da existência de prejuízos de difícil reparaç

    ... TAC do Porto que indeferiu o pedido de suspensão de eficácia do despacho da "presidência" da ... revela que a própria CMP não atribui o acto ao seu Presidente porque PRESIDÊNCIA não ...
  • Acórdão nº 48218A de Supremo Tribunal Administrativo (Portugal), 09 de Janeiro de 2002

    I - A decretação da suspensão de eficácia de acto administrativo exige a verificação cumulativa dos requisitos referidos no n° 1 do art° 76° da LPTA. II - Em tal meio processual não é possível discutir a legalidade dos actos. III - Ao requerente da providência é que cabe o ónus de alegar e demonstrar, ainda que indiciariamente, o prejuízo de difícil reparação a que alude a alínea a) do n° 1...

    ... contencioso de anulação, requerer a suspensão de eficácia do despacho do Secretário de Estado ... O acto em apreço enferma ainda de manifesta falta de ...
  • Acórdão nº 00210/07.0BEMDL-A de Tribunal Central Administrativo Norte, 11 de Outubro de 2007

    I - Constituem critérios de decisão das providências cautelares conservatórias a evidência da procedência da pretensão formulada ou a formular no processo principal, designadamente por estar em causa a impugnação de acto manifestamente ilegal, de acto de aplicação de norma já anteriormente anulada ou de acto idêntico a outro já anteriormente anulado ou declarado nulo ou inexistente; o fundado...

    ... Municipal de Vinhais, consistente na suspensão da eficácia da deliberação tomada por esta ... por estar em causa a impugnação de acto manifestamente ilegal, de acto de aplicação de ...

VLEX uses login cookies to provide you with a better browsing experience. If you click on 'Accept' or continue browsing this site we consider that you accept our cookie policy. ACCEPT